sábado, 28 de junho de 2014

15º Domingo do Tempo Comum A

15º Domingo do Tempo Comum A

1. Informações básicas
-  O Semeador e a semente
- Oração – a luz da verdade para ser cristão.
- 1ª Leitura Is 55, 10-11; Sl 64; Rm 8, 18-23; Mt 13, 1-23

1º Esquema
“O Semeador saiu para semear” Esta parábola é contada para o semeador, o evangelizador que deve confiar na eficácia da Palavra, mas que enfrenta diversas situações, sejam os espinhos do mundo, seja a ação do demônio ou aqueles que não tem raiz em si mesmo, mas o evangelizador deve confiar na eficácia da Palavra que ao cair não volta sem produzir fruto, frutos do Espírito no dizer de São Paulo.


2º esquema
A semente que caiu em boa terra é aquele que ouve a palavra e a compreende, é missão do Evangelizador confiar na eficácia da Palavra que não cai sem produzir frutos, mas é sua missão ajudar o terreno a acolher e produzir, a produção pode ser diversa seja 30, 60 ou 100, o importante não é a quantidade mas a produção, por isso, até o dia em que na eternidade, toda a criação chegará a sua plenitude, e que pregustamos pelos frutos do Espírito.

3º esquema
Mas ele não tem raiz em si mesmo, dentre os terrenos o pedregoso é aquela pessoa que é rasa, cuja compreensão da Palavra é superficial, é o que o povo diz, fogo de palha, o Semeador tem que ter consciência e ajudar as pessoas a terem raiz em si mesmo, que essa compreensão aprofunde-se no coração, no centro da decisão, por isso o Espírito de Deus deve preparar o terreno, ajudar a cada um a acolher a eficácia da Palavra e produzir frutos.



Assim, em outros esquemas pode-se trabalhar o evitar os espinhos do mundo através do fortalecimento pelo Espírito ou para evitar os ataques do mal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário