segunda-feira, 19 de maio de 2014

Corpo e Sangue de Cristo A

Corpo e Sangue de Cristo A

1.                  Informações básicas
- Ó Sagrado Banquete de que somos os convivas
- Oração –  o mistério do Corpo e do Sangue neste admirável sacramento
- Leituras: Dt 8, 2-3.14b-16ª; Sl 147; 1 Cor 10, 16-17; Sequência; Jo 6, 51-58.


2. Esquemas

1º Esquema
Minha carne é verdadeira comida... A Entrega de Jesus na cruz não fica esquecida na História, e nem é atualizada por uma lembrança qualquer, mas através do Memorial da Paixão, que é a Eucaristia, podemos participar plenamente do Corpo e do Sangue de Cristo, de sua vida e de sua Entrega, e assim participar da Santíssima Trindade, esse é o alimento para o deserto de nossa vida e que nos torna um só corpo. Glorifiquemos o Senhor por tão grande dádiva.

2º Esquema
quem come e bebe tem a vida. A vida plena não depende de nós, é graça de Deus cada respirar, e é pela graça de sua Entrega na Eucaristia, que Deus nos dá a vida plena. Não só de pão vive o homem, mas da Palavra que se faz carne e dá a vida a todo ser humano. Essa comunhão no corpo de Cristo nos dá a vida aqui e nos prepara para quando glorificarmos a Deus na Eternidade.

3º Esquema

Eis o pão que os anjos comem transformado em pão do homem. O Panis Angelicum é o que sustenta todo o Universo Criado, pão dado e que deve ser comido, pão que supersubstancial como rezamos no Pai nosso, e que apesar de nossa indignidade e murmuração, Deus não se cansa de nos dar, para que a participação no Único pão, nos faça um verdadeiro povo que celebra a Deus. 

SANTÍSSIMA TRINDADE A

SANTÍSSIMA TRINDADE A

1.                  Informações básicas
- Deus Uno e Trino
- Oração – a verdadeira fé: reconhecer a glória da Trindade e adorar a Unidade
- Leituras: Ex 34, 4-6.8-9; Dn 3; 2 Cor 13, 11-13; Jo 3, 16-18.


2. Esquemas

1º Esquema
Deus amou tanto o mundo... A Santíssima Trindade manifesta-se na História como amor, amor do Pai e do Filho que se entrega para que participemos desse amor. A comunhão da Trindade deve ser vivida de tal forma que a contemplação plena de Moisés, também nós  a façamos proclamando Deus de infinita misericórdia. Mas essa vivência não é somente de boca, mas de verdade, na concórdia, na construção da paz, para que a Graça de Deus habite em nós.

2º Esquema
A Comunhão da Trindade é Unidade, nós somos chamados não a entender, mas a experimentar, como disse o Papa Bento XVI, a Trindade está em nosso DNA, a comunhão que leva a Unidade, não é algo violento, nem forçado, mas é amor doação, que mesmo diante de nosso pecado, como no caso de Moisés, Deus manifesta seu amor, e quer que o manifestemos em nossa vida, e com toda a criação proclamamos, a Vós louvor eternamente.

3º Esquema

A Igreja deve ser epifania da Trindade, por isso deve viver esse amor do Pai que enviou seu Filho Único para a nossa Salvação no Espírito. Cada um e todos nós devemos ser a epifania do amor comunhão da Trindade que leva a Unidade Onipotente, não há louvor maior a essa manifestação de Deus como a exclamação de Moisés, Deus de clemência e misericórdia, de tal forma que nossa vida louve a Deus e com toda a Criação, na Eternidade adoremos a Trindade e sua Unidade. 

Domingo de Pentecostes

Pentecostes

1. Informações básicas
-  E todos ficaram repletos do Espírito Santo
- Oração – Derramai sobre a extensão do mundo os Dons do Espírito Santo.
- 1ª Leitura At 2, 2,1-11; Sl 103; 1 Cor 12, 3-7.12-13; Jo 20, 19-23


2. Esquemas

1º Esquema
“Recebei o Espírito Santo” O ressuscitado glorificado dá à sua Igreja o dom Espírito Santo para a reconciliação total com Deus e com os irmãos, somente tal reconciliação pode dar a paz ao coração humano. Essa obra do Espírito continua na História fazendo e realizando as maravilhas de Deus, e a reconciliação do ser humano com Deus, pois agora cada ser humano pode entender a Deus em sua própria língua e assim na Igreja formarem um só Corpo, por isso que Deus envie seu Espírito e renove sua Aliança.

2º esquema
Jesus sopra sobre os apóstolos dando o Espírito Santo, o mesmo vento sobre os apóstolos os constitui como Igreja evangelizadora que leva o Evangelho do Cristo morto e ressuscitado a cada um dos seres humanos, cada um em sua própria língua pode ouvir e cada um na sua especificidade pode viver a graça de Deus para o bem comum, por isso que Deus por seu Filho envie seu Espírito e renove o coração humano.

3º esquema
A quem perdoardes... A Igreja é constituída pelo Espírito, todos e cada um formam um só corpo bem unido, mas que mantém sua especificidade, judeu ou grego, livre ou escravo, pelo batismo formamos um só corpo, essa é a novidade do vinho novo, a nova comunidade do Espírito agora pode ouvir na sua própria linguagem o anuncio do amor de Deus.

4º esquema
Realizai agora as maravilhas que operastes no início da pregação do Evangelho. O Dom do Espírito não é somente para os apóstolos, como diria Sto Agostinho, na medida da nossa fidelidade à Igreja recebemos o Espírito para nos reconciliar com Deus e assim nos constituir um só corpo. Por isso, que Deus pelo seu Filho nos envie seu Espírito e nos faça verdadeira Igreja para renovar a face da terra.

Ascensão do Senhor A

Ascensão do Senhor A

1.                  Informações básicas
- Jesus está à Direita do Pai e nos envia o Espírito Santo
- Oração –  A ascensão do vosso Filho já é nossa vitória
- Leituras: At 1, 1-11; Sl 46; Ef 1, 17-23; Mt 28, 16-20.


2. Esquemas

1º Esquema
Ide  e fazei discípulos meus todos os povos, batizando-os... Pela ascensão a carne humana está imersa na Trindade para sempre, está na glória, o Cristo ao subir aos céus nos ordena a fazer com que todos os povos estejam na comunhão da Trindade até o dia em que o Cristo voltará glorioso, quando será tudo em todos.


2º Esquema
A ascensão do Senhor já é nossa vitória... Em Cristo espiritualmente já assumimos a vitória da ressurreição pela ação do Espírito Santo, por isso cada um de nós deve viver como ressuscitados buscando as coisas do alto onde Cristo está, até o dia em que as trombetas tocarem e Ele voltar glorioso para julgar vivos e mortos.

3º Esquema
Eu estarei convosco todos os dias até o fim do mundo... pela ascensão do Senhor, Ele não fica distante de cada um de nós, muito pelo contrário Ele se torna mais perto pela ação do Espírito Santo, e passamos já a vislumbrar o mundo futuro. Por isso, em Liturgia aclamamos o Senhor que se eleva até o dia em que estaremos todos junto com Ele. 

6º Domingo do Tempo Pascal A

6º Domingo do Tempo Pascal A

1.                  Informações básicas
- Jesus envia o Paráclito
- Oração – celebrar com júbilo o Mistério Pascal para a vida a corresponder ao mistério. 
- At 8, 5-8.14-17; Sl 65; 1 Pd 3, 15-18; Jo 14, 15-21

2. Esquemas

1º Esquema
“O Pai vos dará um outro defensor”, muitas vezes vivemos como se estivássemos sozinhos, a mercê de nossas próprias decisões, celebrar o Mistério Pascal nos leva a ter a consciência de que somos fracos e necessitamos de Deus, e que Ele está perto de nós como um defensor, um exortador, aquele que nos auxilia na caminhada da vida, o Espírito Santo acompanha-nos como a Igreja nascente realizando sua obra, e dentro de nós para que nossas decisões sejam conforme a vontade de Deus, por isso, Bendito seja Deus que me escutou e não rejeitou minha oração.

2º Esquema
“Não vos deixarei órfãos”, a orfandade é a experiência suprema da solidão, a morte e ressurreição, a saída do Senhor Jesus do plano visível não é abandono, muito pelo contrário, em nós e através de nós o Espírito Santo atua na Igreja para que o mundo todo experimente também que Deus cuida de cada um de nós, e possamos então dar a razão de nossa esperança, não como uma esperança fortuita e vã, mas testemunhada no Espírito, para que a terra inteira reconheça que o Senhor é Deus.

3º Esquema
“Quem acolheu os meus mandamentos e os observa, esse me ama”, a obra de Deus em nós santifica nos nossos corações para cumprirmos obras de Justiça, não por nós mesmos mas pela ação do Espírito Santo em nós. O desejo de Deus é que cada ser humano experimente sua presença e sua atuação, como os Samaritanos, rejeitados pelos judeus, mas agora assumidos por Deus no Espírito Santo. Por isso, que cada ser humano, glorifique a Deus pelo cântico de salmos e pela vida. 

terça-feira, 6 de maio de 2014

5º Domingo do Tempo Pascal A

1.                  Informações básicas
- Jesus, caminho, verdade e vida
- Oração – Adotados como filhos tendo a liberdade verdadeira.
- At 6, 1-6; Sl 32; 1 Pd 2, 4-9; Jo 14, 1-12

2. Esquemas

1º Esquema
“Eu sou o caminho” Jesus, como o bom Pastor é o caminho de acesso ao Pai, se há muitos caminhos que a vida propõe, Jesus não é um dos caminhos, é o caminho exclusivo de acesso ao Pai, por isso cada um de nós impulsionados pelo Espírito Santo deve viver Cristo (Gl 2, 20), de tal modo que entreguemos nossa vida ao Pai, no Espírito, através do Caminho que é Cristo.

2º Esquema
“Jesus é a verdade”. A verdade como no Antigo Testamento, não é apenas o descortinar de uma realidade, mas é a base da vida, é o seu sustento, Ele é a pedra angular, a pedra que nos sustenta, por isso Jesus pode dar o consolo a cada um de nós para que não se perturbe o nosso coração, pois Ele é esse sustento pela sua cruz e ressurreição, para que assim, como os diáconos, cheios do Espírito possamos servir o nosso próximo com a graça que vem Dele.

3º Esquema
“Jesus é a vida”. Jesus anuncia que há muitas moradas na casa do Pai, é Ele que nos dá essa vida eterna, vida em plenitude (Jo 10, 10), vida que já começa aqui, através do sacerdócio santo que exercemos pelo nosso Batismo, já vivemos como cidadãos do céu no serviço ao próximo repletos do Espírito Santo, esse é o nosso sacrifício espiritual. Que Deus nos conceda sua graça na mesma medida que esperamos n’Ele e a Ele servimos em cada irmão e irmã.