segunda-feira, 27 de maio de 2013

9º Domingo do Tempo comum B

9º Domingo do Tempo comum B

1.                   Informações básicas
- Todos são chamados à salvação
- Oração –  Que Deus nos dê o que for útil.
- Leituras: 1 Rs 8, 41-43; Sl 116; Gl 1,1-2.6-10; Lc 7, 1-10.


2. Esquemas

1º Esquema
“Havia lá um oficial romano....” Um oficial romano pede a Jesus que cure o seu empregado, oficial que demonstra plenamente a fé no poder de Jesus, porque crê que Jesus ordenando a cura acontecerá. A salvação entra no coração desse oficial e de seu servo, por causa da fé daquele, cumprindo assim a oração de Salomão (1ª leitura) que pede a Deus que todo estrangeiro que se apresentar ao Templo seja atendido em seus pedidos, o Evangelho verdadeiro chegou aos pagãos e somos chamados a proclamar esse Evangelho de salvação a todos os povos.

2º Esquema
“Mas ordena com a tua palavra, e o meu empregado ficará curado” ... Fé não é somente acreditar, pois até os demônios assim o crêem, fé é dar nosso assentimento sobre a Verdade do Evangelho, e foi essa obediência da fé que o oficial romano deu à palavra de Jesus, crendo plenamente na eficácia de sua ordem. Fé que leva a Salomão construir um templo que seja o lugar (maqon) no qual o estrangeiro se apresentaria diante do Deus de Israel e seria atendido, Evangelho eficaz que São Paulo prega e não apenas palavra humana, e que hoje pregamos a todos os povos.

3º Esquema
“Eu vos declaro que nem mesmo em Israel encontrei tamanha fé”. Jesus se encontra com pessoas que o desprezam pela sua humanidade e não tem fé, ou interesseiras somente pela cura, ou presas a um legalismo vazio, enfim o oficial, despojado de preconceitos e tendo uma obediência madura, crê plenamente na palavra de Jesus e na sua eficácia, é essa a fé que Jesus elogia, pois como o estrangeiro da primeira leitura, chegou a hora em que os pagãos viriam à Israel para buscar a Deus e seriam atendidos, tendo o Evangelho como palavra de Deus, palavra da Verdade revelada, e nela colocar a vida, e que cada um de nós proclame esse evangelho a todos os povos.


Nenhum comentário:

Postar um comentário