terça-feira, 18 de dezembro de 2012

4º Domingo do Advento C


4º Domingo do Advento C

1.                   Informações básicas
- a Mãe do meu Senhor...
- Oração –  conhecendo pela mensagem do anjo a encarnação de vosso Filho.
- Leituras: Mq 5,1-4; Sl 79; Hb 10,5-10; Lc 1,39-45.

Nota exegética - “Mãe do meu Senhor”, ἡ μήτηρ τοῦ κυρίου μου, não há dúvida que a palavra escolhida é Senhor, Kyrios, a mesma usada para Deus em várias partes da Septuaginta (tradução grega do Antigo Testamento) e do Evangelho. Portanto, Maria é Mãe de Deus.

2. Esquemas

1º Esquema
A Mãe do meu Senhor... Na proximidade do Natal, o mistério da Encarnação é vivido na Liturgia do quarto domingo do Advento. Maria, a cheia de graça, acolhe em seu seio o Verbo de Deus e isso é reconhecido por Isabel ao saudá-la como a “Mãe do meu Senhor”,
Deus quis ter uma mãe, como traz o profeta Miquéias, o sinal do reino messiânico é uma mãe ao dar a luz um rei provindo de Belém, cidade desde toda a eternidade, rei-messias que  governará o povo de Deus. Na pessoa de Jesus toda a vontade de Deus é realizada, um culto perfeito a Deus, o rosto humano de Deus, o rosto divino do homem, a luz de Deus resplandece no universo.

2º Esquema
“Bendito é o fruto do teu ventre”... Entrando no espírito do Natal neste quarto domingo do Advento a Liturgia nos traz que o fruto do ventre de Maria Santíssima é o Salvador que assumindo a natureza humana no faz ter plena comunhão com Deus, como Isabel cheia do Espírito Santo. De Belém, a cidade de Davi, cujo desígnio eterno seria a salvação vinda do ventre de uma mulher, tomando um corpo humano como na Carta aos Hebreus, pelo cumprimento perfeito da vontade do Pai no corpo de Jesus é que somos santificados, apresentados como oferenda perfeita a Deus, por isso roguemos que neste Natal o Senhor nos ilumine com sua face.

3º Esquema
“Bem-aventurada aquela que acreditou”...Maria coopera plenamente na salvação do mundo, ao assumir a missão de Mãe do Senhor, pela sua entrega a Deus permite que Deus assuma a nossa natureza humana, pois como diz o profeta, o povo deixará o abandono e se reunirá quando uma mãe der à luz. Maria plenamente cumpre a vontade de Deus e nós também somos convidados a nos tornar uma grande oferenda ao Senhor, a exemplo de Maria, pela nossa união com Cristo, para que sejamos salvos. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário