segunda-feira, 28 de novembro de 2011

2º Domingo do Advento B


2º Domingo do Advento B

1.                   Informações básicas
-Preparai o caminho do Senhor.
- Oração –  nenhuma atividade impeça correr ao encontro de Cristo.
- Leituras: Is 40,1-5.9-11; Sl 84; 2Pd3,8-14; Mc 1, 1-8.


2. Esquemas

1º Esquema
Preparai o caminho do Senhor....a exemplo do mensageiro que ia a frente dos exilados que voltavam para Jerusalém após o exílio, nós devemos preparar o caminho do Senhor, como João Batista o fez, através da conversão, através da graça batismal que faz abaixar as veredas do coração e assim alegres irmos ao encontro do Senhor, essa expectativa deve ser encarada como uma verdadeira esperança de que justiça e amor se abraçarão na vinda do Senhor.


2º Esquema
Eis que envio o meu mensageiro a tua frente, a preparação do caminho para os exilados que voltam, bem como a preparação de João Batista para a vinda daquele que é mais forte, devem ser modelos para a nossa preparação para a vinda do Senhor, através de uma conversão profunda movida pela graça de Deus e do ouvir sua Palavra, para que o Dia do Senhor que virá quando não esperamos nos encontre preparados e fruiremos então a bondade e a salvação que se manifestarão.


3º Esquema
Ele vos batizará com o Espírito Santo, o ser humano é convidado a contemplar os sinais de Deus na criação, por isso a volta do exílio é uma grande alegria, bem como a conversão anunciada pelo Batista, mas é incomparável aos sinais da vinda do Senhor em nossa vida, por isso, o Senhor já nos imergiu no seu Espírito no dia de nosso Batismo, e queremos cada vez mais movidos pelo Espírito nos preparar para a sua vinda, novos céus e nova terra, vendo aqui sinais desse Reino Definitivo, sinais de justiça e caridade, que nesse Reino serão plenos. 

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

1º Domingo do Advento B


1º Domingo do Advento B

1.                   Informações básicas
-Expectativa pela vinda do Senhor.
- Oração –  ardente desejo pelo Reino celeste.
- Leituras: Is 63, 16-17.19;64,2-7; Sl 79 (80); 1 Cor 1, 3-9; Mc 13,33-37.


2. Esquemas

1º Esquema
O que vos digo, digo a todos: vigiai! Nesse tempo do advento nos é pedida uma alegre espectativa, e nesse primeiro domingo é nos ordenado: Vigiai. Em grego, gregoreite, advindo do verbo egeiro, que quer dizer ficar em pé, a posição do ressuscitado, essa é a expectativa que o Senhor quer, que de nosso coração brotasse o brado do profeta, ah se rompêsseis o céu e descêsseis, acorrendo ao Senhor com nossas boas obras, aguardando a vinda do Senhor, do encontro com Ele.


2º Esquema
Ficai atentos, ficar de pé na posição de ressuscitado não basta, o bom empregado que vigia é aquele que contempla o mundo buscando os sinais de Deus e segui-lo através de suas boas obras, para que estas deixem de ser pano sujo, e possam tornar-se testemunho do Senhor que vem, por isso São Paulo pode dizer a comunidade de Corinto que não falta dom algum, tudo o Senhor nos dá para irmos ao seu encontro, por isso sem medo servil queremos aqui e na eternidade contemplar a face de Deus.


3º Esquema
Distribuindo a cada um sua tarefa... A nossa vocação não é um privilégio, mas um serviço, que ao fazermos na graça de Deus se torna um louvor e não um pano sujo pelo orgulho humano, vocação que é específica, cada um tem sua tarefa dada por Deus e se não a fizermos, outros poderão suprir, mas é dada a nós, Vigiar é trabalhar pelo Reino, é ir ao encontro do Senhor com nossas boas obras, por isso que possamos ir ao encontro do Senhor da Vinha e dar-lhe o que lhe pertence. 

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Cristo Rei A


Cristo Rei A

1.                   Informações básicas
- o Reinado Eterno
- Oração – libertos e servindo à Vossa Majestade.
- Leituras: Ez 34,11-12.15-17; Sl 22; 1Cor15,20-26.28; Mt 25,31-46.

2. Esquemas

1º Esquema
Assentará em seu trono glorioso... Cristo morto e ressuscitado, que teve por trono sua cruz, agora glorioso julgará o Universo, e o critério de julgamento é o trono da misericórdia, seremos julgados pelas nossas ações amorosas, que produziram vida no outro, mesmo que não o reconheçamos, nossas ações reconhecem na pessoa do outro o Cristo. Este é o julgamento do Rei, é a misericórdia que separa ovelhas de cabritos, ou como no livro de Ezequiel carneiros de bodes; por isso, no Novo Adão, podemos hoje, entrar no reinado de Cristo, destruindo a morte e produzindo vida, mostrando que Ele é o nosso pastor.

2º Esquema
Eu estava com fome e me destes de comer... . Os benditos encontram o Cristo em cada ser humano, supõe e pressupõe o bem em cada pessoa humana, e fazem o bem a esses mesmos humanos. Mesmo em prisioneiros que estão presos por alguma maldade o cristão é chamado a reconhecer a presença de Deus neles. Cada vez que fizestes a cada um dos menores de meus irmãos foi a mim. O Rei dos reis, pela sua morte e ressurreição está ligado a cada ser humano, não importando cor, nacionalidade ou religião. O olhar de cada ação amorosa atinge a eternidade quando tudo será submetido a Deus, quando a felicidade atingirá os tempos infinitos.

3º Esquema
Castigo eterno e vida eterna... As nossas decisões têm um peso de eternidade, se rezamos e participamos da missa é para que cada vez mais, participando a mesa que o Senhor nos prepara conforme o salmo, para nos sensibilizar pela graça quanto a Sua presença em cada ser humano. O Senhor pastoreia a cada um de nós, e nós nos tornamos sinais do bom pastor através de ações caritativas, e seremos assim um só em Cristo Jesus, dessa forma não temeremos o juízo, mas teremos a certeza, que é o Senhor quem nos conduz.  

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

33º Domingo do Tempo comum A


33º Domingo do Tempo comum A

1.                   Informações básicas
- Os talentos
- Oração – Alegria em servir a Deus de todo coração.
- Leituras: Pr 31,10-13.19-20.30-31; Sl 127; 1 Ts 5, 1-6; Mt 25, 14-30.

2. Esquemas

1º Esquema
O empregado que havia recebido cinco talentos saiu logo... O Talento, como moeda e valor, é entregue ao servo que prontamente o aplica e fá-lo render, da mesma maneira o que recebeu dois, sai prontamente o faz render, são chamados de servos bons e fieis porque o aplicam prontamente, o talento é dado por Deus, e Deus não vê o valor mais a prontidão em aplicar o que Ele nos deu. Prontidão descrita pelo Livro dos Provérbios da mulher forte, a nossa prestação de contas será inesperada, como na segunda leitura, por isso devemos estar sempre prontos a servir e apresentar as nossas contas a Deus.

2º Esquema
Como fostes fiel em tão pouco... A nossa fidelidade está em colocar os talentos recebidos de Deus em prática, e a recompensa eterna será na medida em que os nossos trabalhos brotem desses mesmos talentos. Pois, Deus quer que o sirvamos de todo o coração, mas com alegria, a exemplo da mulher forte, por amar sua família se entrega de bom grado ao serviço, e torna essa família feliz, essa é a verdadeira vigilância e sobriedade no esperar o Senhor.

3º Esquema
Servo mau e preguiçoso... O servo que recebeu um talento e o enterrou, isto é, o apontou para o Xeol, para a morte, por ter uma visão servil de Deus, uma visão de Faraó que colhe onde não plantou, que aumenta a quantidade de tijolos e não fornece a palha, esse servo não consegue servir com alegria, mas vive na escravidão do próprio medo, fixa-se na aparência e no encanto da vida e não na alegria do servir como a mulher do Livro dos Provérbios. Por isso, peçamos a Deus que cada vez mais tenhamos a visão de seu amor para servir como família em torno da mesa do Pai.