quarta-feira, 22 de junho de 2011

13 º Domingo do Tempo Comum A


13 º Domingo do Tempo Comum A

1.                  Informações básicas
- Acolhida verdadeira é amar
- Oração –  Ser filho da Luz
- Leituras: 2 Rs 4, 8-11.14-16; Sl 88; Rm 6, 3-4.8-11; Mt 10, 37-42.


2. Esquemas

1º Esquema
Quem der um copo de água fresca. Surge nesse Evangelho a Teologia do copo de água, essa doação mínima deve ser feita não por qualquer interesse senão doar vida ao outro e agradar a Deus. Um gesto simples que se torna um verdadeiro Louvor de Deus, mas nisso nós vamos nos diminuindo para Deus aumentar, isso causa sofrimento, mas o importante é ter a disposição de Eliseu, dar vida, como Deus quer essa vida para cada um de nós. Por isso, o verdadeiro cristão é aquele que sabe morrer com Cristo para ressuscitar com Ele, tendo a certeza de fé que esse Louvor aqui se transformará num canto eterno. 

2º Esquema
Ser filho da Luz é fazer a glória de Deus brilhar em nossos atos e ações, mesmo se for um pequeno copo de água, esse amor nos leva a ver Jesus no outro, e nunca colocar qualquer ser humano no lugar de Deus, mesmo se for pai e mãe, todos tem que acolher o outro, mas sempre com esse amor eterno dentro do coração que transborda em obras de justiça. Essa é uma verdadeira espiritualidade batismal como hoje nos traz São Paulo, num mundo utilitarista essa é a verdade felicidade dos povos, como nos diz o salmo.

3º Esquema
Quem não tomar sua cruz... Cristão não é masoquista, mas toda a nossa vida na doação ao outro não deve ter outra intenção senão a mesma Entrega que Jesus teve, essa Entrega é amor presente em cada ato, seja em cada copo de água que damos, e isso pede de cada um de nós uma verdadeira gratuidade, como de Eliseu que só quer glorificar a Deus. É nessa Entrega de cruz que nós fomos batizados e é essa Entrega, esse Amor, que cantaremos eternamente. 

sexta-feira, 10 de junho de 2011

Domingo de Pentecostes


Pentecostes

1. Informações básicas
-  E todos ficaram repletos do Espírito Santo
- Oração – Derramai sobre a extensão do mundo os Dons do Espírito Santo.
- 1ª Leitura At 2, 2,1-11; Sl 103; 1 Cor 12, 3-7.12-13; Jo 20, 19-23


2. Esquemas

1º Esquema
“Recebei o Espírito Santo” O ressuscitado glorificado dá à sua Igreja o dom Espírito Santo para a reconciliação total com Deus e com os irmãos, somente tal reconciliação pode dar a paz ao coração humano. Essa obra do Espírito continua na História fazendo e realizando as maravilhas de Deus, e a reconciliação do ser humano com Deus, pois agora cada ser humano pode entender a Deus em sua própria língua e assim na Igreja formarem um só Corpo, por isso que Deus envie seu Espírito e renove sua Aliança.

2º esquema
Jesus sopra sobre os apóstolos dando o Espírito Santo, o mesmo vento sobre os apóstolos os constitui como Igreja evangelizadora que leva o Evangelho do Cristo morto e ressuscitado a cada um dos seres humanos, cada um em sua própria língua pode ouvir e cada um na sua especificidade pode viver a graça de Deus para o bem comum, por isso que Deus por seu Filho envie seu Espírito e renove o coração humano.

3º esquema
A quem perdoardes... A Igreja é constituída pelo Espírito, todos e cada um formam um só corpo bem unido, mas que mantém sua especificidade, judeu ou grego, livre ou escravo, pelo batismo formamos um só corpo, essa é a novidade do vinho novo, a nova comunidade do Espírito agora pode ouvir na sua própria linguagem o anuncio do amor de Deus.

4º esquema
Realizai agora as maravilhas que operastes no início da pregação do Evangelho. O Dom do Espírito não é somente para os apóstolos, como diria Sto Agostinho, na medida da nossa fidelidade à Igreja recebemos o Espírito para nos reconciliar com Deus e assim nos constituir um só corpo. Por isso, que Deus pelo seu Filho nos envie seu Espírito e nos faça verdadeira Igreja para renovar a face da terra.

quarta-feira, 1 de junho de 2011

Ascensão do Senhor A


Ascensão do Senhor A

1.                  Informações básicas
- Jesus está à Direita do Pai e nos envia o Espírito Santo
- Oração –  A ascensão do vosso Filho já é nossa vitória
- Leituras: At 1, 1-11; Sl 46; Ef 1, 17-23; Mt 28, 16-20.


2. Esquemas

1º Esquema
Ide  e fazei discípulos meus todos os povos, batizando-os... Pela ascensão a carne humana está imersa na Trindade para sempre, está na glória, o Cristo ao subir aos céus nos ordena a fazer com que todos os povos estejam na comunhão da Trindade até o dia em que o Cristo voltará glorioso, quando será tudo em todos.


2º Esquema
A ascensão do Senhor já é nossa vitória... Em Cristo espiritualmente já assumimos a vitória da ressurreição pela ação do Espírito Santo, por isso cada um de nós deve viver como ressuscitados buscando as coisas do alto onde Cristo está, até o dia em que as trombetas tocarem e Ele voltar glorioso para julgar vivos e mortos.

3º Esquema
Eu estarei convosco todos os dias até o fim do mundo... pela ascensão do Senhor, Ele não fica distante de cada um de nós, muito pelo contrário Ele se torna mais perto pela ação do Espírito Santo, e passamos já a vislumbrar o mundo futuro. Por isso, em Liturgia aclamamos o Senhor que se eleva até o dia em que estaremos todos junto com Ele.